23/01/2017...COTRIMAIO faturou mais de R$ 400 milhões em 2016

24/01 18:21:46 - Agricultura
23/01/2017...COTRIMAIO faturou mais de R$ 400 milhões em 2016

Assembleia foi realizada na sede da Associação de Funcionários da Cotrimaio

A tarde quente junto a AFUCOMAIO revelou boas notícias aos cooperados da Cotrimaio na tarde desta segunda-feira, 23. Apesar das dificuldades por que passa a cooperativa, que desde 2013 se encontra em processo de liquidação extrajudicial com continuidade dos negócios, o ano de 2016 foi muito positivo, superando a meta inicial que era de um faturamento de R$ 348 milhões. “Desafiamos nossa equipe a fazer R$ um milhão por dia em negócios e superamos atingindo R$ 400 milhões”, afirmou Dalberto.

         Neste período em situação de liquidação, a direção da cooperativa estabeleceu renegociação com 90% dos credores e resgatou o crédito junto aos seus cooperados e fornecedores, proativamente, sinalizando que foram ampliadas todas as possibilidades de reerguer a cooperativa à médio prazo, honrando todos os compromissos, desde que a entidade possa trabalhar em suas atividades fins, facilitando e garantindo ao quadro de mais de 12 mil famílias associadas a comercialização de grãos, assistência técnica, aquisição do leite em ato cooperativo com a CCGL, facilitando a venda de insumos, além da manutenção dos negócios dos supermercados e postos de combustíveis.

Juntos, os negócios da Cotrimaio geram atualmente 450 postos de trabalho diretos. Somente no ano passado a cooperativa aberta garantiu ao município a circulação de R$ 36 milhões que ajudam a formar o índice de retorno do ICMS.

A área técnica financeira apresentou como lucro do período de 2016 mais de R$ 4 milhões. Também a área jurídica fez amplos esclarecimentos de toda a situação da cooperativa, garantindo que sob o aspecto jurídico, entregar a produção na Cotrimaio é um negócio seguro ao produtor.

“A Cotrimaio continuará atenta e negociando com cada um dos credores, dentro da legalidade, não escondendo sua situação de dificuldade, mas protegendo seus cooperados, o patrimônio e a parte social que ela significa, seja pelos empregos e impostos gerados nas comunidades onde atua, pelo apoio às famílias garantindo a produção de alimentos, e por fim, balizando os preços praticados nos insumos e na compra da produção, sem que haja exploração do produtor, um risco onde o cooperativismo se torna ausente ou fragilizado” destacou a atual gestão.

Como novidades da assembleia foram apresentadas, primeiro, a Carteira de Identidade Rural, um documento único que visa dar agilidade ao atendimento do associado Cotrimaio. O cartão eletrônico vai facilitar a emissão da nota eletrônica do produtor rural, a transação comercial entre cooperativa e cooperado, e cooperado com instituições financeiras ou rede de conveniados. Junto às unidades os associados podem buscar informações.

Outra boa notícia foi o anúncio do presidente liquidante, que um novo negócio da Cotrimaio entrará em operação no mês de fevereiro. Trata-se da fábrica de rações para animais Raízes, que está em fase final de instalação no Bairro Guaira em Três de Maio. Um dos principais focos do novo negócio é atender com qualidade e bom preço a demanda por ração animal dos produtores de leite associados e moradores da área de atuação da própria Cotrimaio. Num segundo passo, atingir o mercado regional para a nova linha de produtos.

Produção e reportagem: Paulo Roberto Staziaki

Reprodução editada somente com autorização

Permitido o conteúdo total em compartilhamento

LS NOROESTE BAZAR E PAPELARIA