30/01/16- SOJA: Área de refúgio é necessária adverte agrônomo

30/01/2016 17:33:12 - Agricultura
30/01/16- SOJA: Área de refúgio é necessária adverte agrônomo

Felipe adverte para observação da área de refúgio entre soja Bt e convencional

Por: Alexandre de Souza

Com o plantio da safrinha de soja especialistas e entidades ligadas ao agronegócio voltam a chamar a atenção do crescente número de produtores que plantam as sementes com a tecnologia Bt para a importância da implantação do refúgio.

O agrônomo Felipe Tissot, da Tarumã Agrícola, adverte que a área destinada ao plantio das variedades convencional ou RR deve corresponder a 20% da lavoura. Desta forma, os genes das lagartas nascidas na área cultivada com semente resistente às lagartas são “diluídos” com os genes das lagartas que vivem na área de refúgio.

Segundo ele, é uma estratégia para retardar o surgimento de populações de lagartas resistentes à tecnologia. O benefício é a redução do cruzamento entre as largas resistentes. O agrônomo, no entanto, alerta que a distância máxima entre a soja Bt e o refúgio deve ser de 800 metros.

Embora seja recomendado por técnicos, o refúgio não é obrigatório no Brasil. A necessidade surgiu há quase duas décadas, desde o advento das sementes geneticamente modificadas, em 1998. No entanto, ainda hoje boa parte dos agricultores não adota esta prática.

GIRO AMBIENTAL