Acendimento da Chama Crioula marcou o início oficial da Semana Farroupilha em São José do Inhacorá

24/09/2015 10:47:15 - Eventos e Promoções

Créditos: Aline Kuhn - Assessora de Comunicação

Reunidos no CTG Recanto da Tradição, dia 11 de setembro de 2015 em São José do Inhacorá, membros do CTG, autoridades da Administração

Pública Municipal, junto à comunidade local e demais tradicionalistas, declararam abertas as festividades Farroupilhas no munícipio inhacorense

Para celebrar as tradições farroupilhas, o Centro de Tradições Gaúchas Recanto da Tradição juntamente com a Administração municipal de São José do Inhacorá, realizaram uma programação recheada de atividades para comemorar a data máxima do tradicionalismo gaúcho: o 20 de setembro.

Com o acendimento da chama crioula, símbolo do início oficial da

Semana Farroupilha, no dia 11, às 20 horas, aconteceu a apresentação das invernadas artísticas do CTG local e, do Piquete Marca da Ferradura de Nova Candelária e, após o 5º Ovelhaço – um jantar com pratos típicos a base de carne de ovelha.

A programação deste ano, contou também com a participação do Grupo de Idosos em um almoço preparado pelos membros da patronagem no dia 15 de setembro. No dia 16, os membros do CTG e convidados do município de Porto Xavier prepararam o Café de Cambona, costume gaúcho surgido no século XIX.

Conheça um pouco da História:

Segundo pesquisas trata-se de um café de chaleira introduzido pelos mascates de origem turca, que vinham fazer comercio no Rio Grande do Sul no século referenciado XIX. Os gaúchos adotaram o costume. Chegavam, faziam fogo e colocavam as chicolateiras ou cambonas com água para esquentar.

Desencilhavam os cavalos, tirando das malas de garupa o café, as bolachas e o açúcar e montavam um local parecido com um acampamento. Em geral, os tropeiros e carreteiros costumavam dividir as obrigações do fogão entre si.

Enquanto um fazia o café, outro podia ser o assador, ou fazer o mate, para outro, a responsabilidade de juntar lenha, desta maneira tornava-se fácil e até mesmo divertido o trabalho colocava a água a ferver na cambona, depois retirava do fogo e despejava dentro dela duas colheres de café em pó. Mexia com a ponta da faca até dissolver todo, ou com uma colher, depois voltava com a chicolateira/ cambona ao fogo.

Comemoração: 

O dia do gaúcho, 20 de setembro, foi marcado pela tradicional missa crioula, almoço e apresentação das invernadas artísticas que mostraram seu talento ao público presente, presenteando-o com um belo espetáculo. As

Invernadas colocaram a cultura gaúcha na forma da música e da dança das crianças e adolescentes, que participam das Invernadas como inclusão social, ou pela paixão da dança e do folclore. Houve a apresentação de todas as invernadas do CTG Recanto Verde de Boa Vista do Buricá, na sequência das apresentações, cantou-se o hino rio-grandense emocionando o público presente no evento. Às 17 horas do dia 20, realizou-se o encerramento das atividades farroupilhas com a extinção da Chama Crioula.

A patroa conta que o CTG tem se preparado para que houvesse um excelente atendimento a todos admiradores e tradicionalistas que cultuam a rica tradição gaúcha e agradece a toda a equipe de patronagem envolvida no processo, aos que ajudaram nos preparativos, as invernadas artísticas, à

Administração Pública Municipal que tanto contribui nos eventos tradicionalistas que o CTG promove. “Preocupamo-nos em organizar a parte física para que quando as pessoas venham aqui, tenham um ambiente acolhedor, visto que o número de tradicionalistas tem crescido e houve intensa participação dos mesmos”, explica.

SICREDI COOPERAÇÃO PREMIADA