Comitê do Turvo Santa Rosa e Santo Cristo esteve reunido em Horizontina

08/07/2014 23:24:55 - Geral
Comitê do Turvo Santa Rosa e Santo Cristo esteve reunido em Horizontina

Encontro sendo realizado em Horizontina

 

         As enchentes praticamente dominaram os debates e as preocupações de mais uma reunião ordinária do Comitê das Bacias Hidrográficas dos rios Turvo, Santa Rosa e Santo Cristo realizada na tarde desta terça-feira (8) junto a Biblioteca Pública de Horizontina.

         O presidente do Comitê, Adilson João Steffen e a Presidente do Conselho Municipal do Meio Ambiente de Horizontina Rosane Zvoboter manifestaram-se satisfeitos com a presença de representantes de entidades com assento, entre elas faculdades, Coredes, Emater, prefeituras e outras.

         Preocupações com o manejo do solo que impacta em 95% na qualidade da água dos rios, comprovadas pelas enchentes do final do mês passado, onde boa parte das lavouras apresentou erosão pela falta do manejo adequado, seja pela compactação que impede a penetração ou mesmo pelo abandono das bases de conservação e retenção de água, que passaram a erroneamente ser considerados obstáculos para a maquinaria usada no plantio direto, estiveram em pauta. –“Muitos produtores desconsideram a recomendação da assistência técnica e de extensão rural e passaram a estender suas linhas de plantio de alto à baixa em suas propriedades, atendendo recomendação de um corretor de implementos que para vender uma máquina maior fez remover a curva de nível. Ele vende a máquina e vai embora, mas o solo fica exposto, o que ocorreu havia duas semanas em muitas propriedades”, disse o representante da Emater de Santa Rosa.

         Em pauta ainda, esteve o andamento do processo de criação futura  da Bacia do Rio Uruguai, de caráter federal composta por 16 comitês de rios afluentes do RS e cinco de Santa Catarina. Também um Seminário Sobre Manejo do Solo a ser realizado em Horizontina no final de agosto, e o debate de assuntos gerais do comitê, entre os eles, a autorização para descentralizar das pessoas do presidente, vice e secretário a representatividade com custeio de despesas em eventos regionais e estaduais.

         A melhoria de classe três para classe um na qualidade das águas dos mananciais que compõem o Comitê é a grande meta que está sendo perseguida. No entanto, é preciso a conscientização de todos os atores; o agricultor,  os moradores de margens de rios e riachos que cortam zonas urbanas, o lançamento dos dejetos, uso de agrotóxicos, a conservação do solo impedindo que a erosão leve nutrientes à calha de rios, entre outros importantes temas enriqueceram as discussões. O prefeito de Horizontina Nildo Hickmann prestigiou a parte final do encontro.  

SICREDI COOPERAÇÃO PREMIADA