Governo Municipal e Associação Hospitalar assinam convênio em Horizontina

28/06/2015 19:04:59 - Saúde
Governo Municipal e Associação Hospitalar assinam convênio em Horizontina

Ato de assinatura na sexta-feira na sede do Governo Municipal

 

         O Governo Municipal de Horizontina repassará recursos que podem atingir R$ 164.300,00 mensais à Associação Beneficente Oswaldo Cruz nova mantenedora do Hospital Oswaldo Cruz objetivando incentivar os atendimentos pelo SUS para a população.

         Por ser um hospital de propriedade privada o Oswaldo Cruz enfrenta havia um ano obstáculos para receber recursos públicos do Estado e União para cofinanciamento dos serviços prestados tendo amargado prejuízos da ordem de R$ 1 milhão no período.

         A Sociedade Hospitalar, formada por um grupo de médicos que atendem no hospital e a prefeitura após meses de tratativas com a Coordenadoria Regional de Saúde e Secretaria de Saúde do Estado decidiram que a criação de uma Associação que fará a administração da instituição, arrendando a estrutura predial e os equipamentos existentes na instituição seria uma das poucas alternativas para evitar o fechamento do referido hospital.

         Na última sexta-feira (26) tendo por local o gabinete do Prefeito Municipal e contando com a presença de vereadores, secretários de governo, assessoria do hospital e integrantes da nova associação foi formalizado o convênio que garante um novo formato para o atendimento e a gestão hospitalar, funcionando como projeto piloto por 90 dias período em que será avaliado e ajustado (se necessário) visando à sua continuidade.

         O Governo Municipal garantiu um repasse mensal de R$ 48.830,00 para a manutenção do Plantão de Urgência 24 horas. Outros R$ 107.800,00 mensais na compra de serviços de procedimento hospitalar de 15 cirurgias eletivas, 10 cirurgias de traumatologia, 3 cirurgias oftalmológicas, 25 dermatológica e 30 anestesias. Também estão no pacote de serviços a serem prestados pela referida associação atendendo a uma demanda represada no sistema municipal de saúde de 35 procedimentos cirúrgicos mensais de âmbito ambulatorial, 05 biópsias de mama e 05 biópsias de colo de útero.         

         Na cesta de serviços estão contratadas ainda mensalmente pelo município junto a Associação Hospitalar 100 procedimentos de Radiologia, 50 Ultrassonografias e 50 eletrocardiogramas, além de 225 consultas especializadas nas áreas de cirurgia geral, traumatologia e ortopedia, ginecologia e obstetrícia, pediatria, oftalmologia, cardiologia e dermatologia.

         Ainda o município pagará pelo referido convênio até R$ 7,7 mil mensais para auxiliar na prestação de serviços de cesarianas não cobertas pelas AIHs via SUS.

         Pelo período inicial de 90 dias os proprietários do Oswaldo Cruz não irão cobrar aluguel da nova Associação Hospitalar. O novo Administrador do Hospital Délcio Steffens também trabalhará como voluntário no primeiro período, já que a nova associação não possui fundos de reserva e precisa fazer seu capital de giro trabalhando e atendendo a região. Outros convênios serão buscados, destaca Délcio, com os municípios de Doutor Mauricio Cardoso, Tucunduva e Novo Machado para auxiliar no custeio deste novo modelo de atendimento hospitalar que se instala em Horizontina.

         O prefeito de Horizontina Nildo Hickmann anunciou que além do limite dos R$ 164,3 mil que o município repassará mensalmente ao hospital, outros R$ 6 mil foram incrementados na manutenção do SAMU, o que também garantirá ingressos de recursos do Estado diretos para a nova associação hospitalar.

         Os atuais 53 funcionários do hospital terão inicialmente seus empregos mantidos. A maioria dos médicos que residem no município está sendo contratada pela nova associação e os profissionais prestarão seus serviços na casa. Uma das novidades anunciada é a contratação do médico traumatologista Dr. Carlos Rodrigo Grun que já está trabalhando.

         A partir da tramitação e aprovação de todo o processo de filantropia junto ao Governo Federal, a nova Associação Beneficente Oswaldo Cruz, estará apta a receber recursos do Ministério da Saúde e via emendas parlamentares para aquisição de novos equipamentos e ampliação de serviços prestados. 

TEXTO: PAULO R STAZIAKI- DRT/RS 07.485

SICREDI COOPERAÇÃO PREMIADA