Nova Candelária é premiado como um dos municípios gaúchos com melhor programa à bacia leiteira

31/07/2015 10:43:54 - Geral

Créditos: Maira Dill - Assessoria de Comunicação

Depois de liderar pela 10ª vez consecutiva o ranking estadual de produção de suínos e ficar entre as dez melhores gestões do Estado, o município de Nova Candelária foi premiado novamente, dessa vez, na área de incentivo à bacia leiteira.

Na semana passada, a Secretaria da Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente recebeu o comunicado da Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul – FAMURS e da Comissão Organizadora e Julgadora do Congresso Internacional do Leite de que o projeto municipal de incentivo à bacia leiteira, inscrito no programa Município Amigo do Leite 2015, fora selecionado dentre 49 projetos submetidos no concurso, para ser apresentado no Seminário Estadual dos Prefeitos e Secretários Municipais de Agricultura do Rio Grande do Sul, evento paralelo ao Congresso.

         Com o apoio da Administração Municipal, na terça-feira, o Secretário da Agricultura Jorge Luis Steiger, o Engenheiro Agrônomo Jandir André Erthal e a Assessora de Imprensa Maira Dill, acompanhados do Prefeito Carlos Alberto Dick, participaram do Seminário, no centro de convenções da FIERGS, em Porto Alegre, ocasião em que o Secretário da Agricultura apresentou oralmente as ações, estratégias e resultados do programa municipal. Dez finalistas apresentaram suas iniciativas de incremento à cadeia produtiva de lácteos, sendo que, cada apresentador tinha dez minutos para mostrar as ações desenvolvidas pelo seu município.

Dentre os dez municípios finalistas, foram premiados na manhã de quarta-feira, (29), os três municípios com as melhores políticas públicas voltadas à cadeia leiteira do Estado, são eles: Nova Candelária, Benjamin Constant do Sul e Fagundes Varela. Quem recebeu o troféu e certificado de honra, entregue pelo Vice-Governador José Paulo Cairoli, foi o Técnico em Agropecuária da Emater/RS-Ascar de Nova Candelária, André Weber.

O programa com suas ações de incentivo à produção leiteira, estabelecidas por lei, aumentou a produtividade dos últimos cinco anos em 60,44%, por meio de melhorias e instalações com isenção de taxas municipais; oferta de serviços de terraplanagem gratuita; fornecimento gratuito de sêmen bovino; atendimento veterinário e agronômico; programa de compra de sementes forrageiras; entrega de 148 máquinas para os produtores, em forma de comodato; capacitação dos produtores, entre outras ações.

Participaram do evento, autoridades como o Deputado Federal Alceu Moreira, o Presidente do Instituto Gaúcho do Leite, o representante da Emater/RS-Ascar, Presidente da Associação Gaúcha de Laticinistas e Laticínios, representante do Instituto Gaúcho do Leite, diretor da Embrapa, Prefeitos e Secretários do Estado, entre outros.

Para o Prefeito Carlos Alberto Dick, “este prêmio é um reflexo de que os investimentos feitos no programa de incentivo à bacia leiteira constituem o caminho certo para o progresso e desenvolvimento do meio rural de Nova Candelária. Este mérito é também dos produtores de leite do nosso município”. O projeto da Secretaria da Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente faz parte dos anais do evento e irá compor o livro do Congresso Internacional do Leite.

Em sua primeira edição, o concurso que elegeu os melhores programas municipais de incentivo à produção leiteira no estado, é uma ação da Federação das Associações de Municípios do RS (FAMURS), juntamente com a EMBRAPA, unidade Gado de Leite de Juiz de Fora (MG), EMATER – RS e o Instituto Gaúcho do Leite (IGL).

GIRO AMBIENTAL