Pesquisa avalia comportamento dos consumidores em lojas de vestuário de Santa Rosa

03/07/2015 10:02:59 - Geral
Pesquisa avalia comportamento dos consumidores em lojas de vestuário de Santa Rosa

Créditos: Assessoria de Comunicação

O mercado varejista está em constante crescimento e os consumidores cada vez mais exigentes. Com base nisso, entender os desejos e comportamentos dos consumidores torna-se relevante para os lojistas desenvolverem estratégias de acordo com os desejos e preferências dos clientes. Diante disso, a estudante Daiane Lui do Curso de Administração da UNIJUÍ Campus Santa Rosa, realizou uma pesquisa com o propósito de analisar o comportamento de compra dos consumidores do ramo de vestuário da cidade de Santa Rosa e identificar se as estratégias utilizadas pelos lojistas da cidade estão de acordo com as necessidades dos consumidores.

A pesquisa foi realizada com 405 pessoas a fim de identificar as preferências dos clientes e os critérios que analisam no produto para efetivar a compra. Além disso, o estudo possibilitou avaliar a satisfação dos consumidores referente aos aspectos relacionados à estrutura geral das lojas e ações estimuladas pelas experiências de compras.

Ao questionar os consumidores a respeito dos aspectos importantes para que as lojas possam fidelizá-los, 56% afirmou que o principal item é o “atendimento”, seguido de “produtos de qualidade” (20%) e “preço justo” (9%).  As quatro principais características que os consumidores não gostam de vivenciar em um ambiente de venda é, para 48% dos entrevistados, ter um atendimento ruim, entrar na loja e ver os produtos desorganizados (27%), para 25% são os preços altos e para 22% é ter produtos com qualidade inferior.

Solicitou-se aos entrevistados para que indicasse qual era a sua loja de vestuário preferida, para então avaliarem as principais características deste estabelecimento. Foram destacadas 52 lojas diferentes por parte dos pesquisados. Ao avaliarem a sua loja preferida, 89% dos pesquisados, destacam ter grande satisfação com o estabelecimento em que costumam comprar, sendo que 93% enfatizam que sempre ficam satisfeitos depois da compra e 66% se consideram clientes leais da loja. De acordo com os entrevistados, a grande maioria se sente seguro ao comprar nesta loja, percebendo competência nos serviços realizados e interesse em valorizar o cliente.

Quanto aos aspectos relacionados à estrutura das lojas da cidade, 90% concordam que as lojas possuem um ambiente propício para fazer compras, e 77% destacam que a infraestrutura está adequada para atender os clientes. Quanto ao sortimento, 91% dos entrevistados ressaltam que as lojas possuem uma variedade de produtos adequada às suas necessidades, disponibilizando produtos das melhores marcas (76%).

O estudo também traz algumas curiosidades com relação ao comportamento de compra dos entrevistados. Ao questionar o valor da peça de vestuário mais cara que o entrevistado já havia comprado, os valores variaram de R$ 50,00 à R$ 1600,00 sendo que a média geral ficou em torno de R$ 387,00. Já com relação ao ato do uso dos provadores para experimentarem as roupas, as pessoas costumam levar de 2 a 15 peças, sendo que a média geral ficou em cinco unidades. Em uma etapa observacional da pesquisa, percebeu-se que o tempo médio que as pessoas ficam no provador é de cinco minutos e dois segundos.

 O professor Luciano Zamberlan, orientador da pesquisa, destaca que é importante realizar estudos que permitam compreender de que maneira os consumidores avaliam os estabelecimentos varejistas no ramo do vestuário. Os lojistas são afetados cada vez mais pelo comércio eletrônico neste segmento, pois a categoria que mais vende produtos na internet é a de Vestuário e Acessórios, que já é responsável por 17% do volume de pedidos feitos pela Web. Conhecendo melhor os hábitos, características e percepções dos clientes, é possível definir estratégias e realizar ações que melhorem o desempenho das lojas e, consequentemente, aumentar a satisfação dos compradores.

 De acordo com a acadêmica Daiane, o estudo traz ainda muitos outros dados e avaliações a respeito das lojas que envolvem o layout, sortimento, atmosfera varejista, percepções sobre o atendimento e outras atitudes que envolvem a compra de vestuário. Além disso, a pesquisa também identificou qual é a imagem que os consumidores possuem com relação às principais lojas de vestuário de Santa Rosa. Os resultados auxiliam os gestores varejistas de vestuário na identificação de oportunidades de melhoria para suas lojas e relacionamento das empresas com seus clientes.

GIRO AMBIENTAL