Vereadores denunciam imprudência de motorista da Ação Social de HZ

10/03/2014 22:59:38 - Trânsito
Vereadores denunciam imprudência de motorista da Ação Social  de HZ

Vereadores tornam público um verdadeiro caso de polícia

         Os vereadores do PP Averi Padoin e do PT Kiko Ferreira, manifestaram indignação e preocupação com um fato em tese atípico, ocorrido no domingo de carnaval e do final do Jeep Country(02/03) nas imediações da sede comunitária do Bairro Bela União.

         No local estava sendo realizado um velório, sendo praxe nestes casos, quando solicitado por familiares, que um coletivo da Secretaria de Ação Social, transporte as pessoas dentro do perímetro urbano, normalmente de igrejas até os cemitérios onde ocorrem os enterros.

         Segundo denúncia apurada por vereadores o motorista do ônibus, que ocupa cargo de confiança da administração municipal na Secretaria de Ação Social, chegou ao local conduzindo o veículo. Após pelo menos 60 pessoas embarcarem no coletivo(alguns em pé) o motorista teve dificuldades em engatar marcha ré e decidiu contornar a comunidade por uma rua lateral.

         No local, próximo a uma pequena elevada(subida) o motorista deu novos indícios de estar manobrando sem ter prática ou estar com o veículo com problemas pois errava marchas e não conseguia engatar marcha lenta necessária para vencer a elevada. Após pelo menos três tentativas, as pessoas desceram e então o ônibus arrancou em alta e passou pelo local.

         As verdadeiras “barberagens” não pararam ali. O condutor atingiu em uma manobra placas da sinalização de trânsito, que ao caírem atingiram o braço de uma menina, sobrinha do vereador Ferreira. Várias pessoas ligaram para a Brigada Militar, mas quando uma guarnição chegou o ônibus já havia deslocado até o cemitério, porém a maioria das pessoas, como medo, desceram e foram para casa sem acompanhar o enterro.

         Os edis prometem levar o caso ao conhecimento da Administração Municipal para que os fatos sejam investigados, possivelmente através de uma sindicância, defendem os vereadores. A conduta do motorista colocou em risco várias pessoas, além do próprio e do patrimônio público e privado, destacam.

         Ao receber a denúncia algumas horas após o fato, na segunda-feira de carnaval a reportagem da Rádio Olinda FM buscou contato com o Governo Municipal. Como era feriado, o Secretário de Planejamento Jonas Diogo Silva, explicou(por telefone) que o que havia acontecido teria sido um acidente, quando o motorista teria feito a curva muito fechada,  e a traseira do coletivo atingido as placas de sinalização.

         Naquele dia o Secretário também informou que o ônibus não estaria transportando pessoas para um enterro e sim levando para casa trabalhadores de uma cooperativa do bairro, que retornavam após prestarem serviço para o município junto ao Parque de Eventos onde estava sendo realizada a feira Horizontina em Exposição.  

 

LS NOROESTE BAZAR E PAPELARIA